PROJETO DE ETNOBOTÂNICA É TEMA DE DESTAQUE EM ESTANDE NO "XIV CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE"

 
A Fundação Jardim Botânico de Poços de Caldas - FJBPC desenvolve atividades de pesquisa, conservação, e educação ambiental sobre a flora do Planalto de Poços de Caldas. Entre os trabalhos desenvolvidos em campo e no laboratório, técnicas que visam a conservação de espécies nativas são empregadas.
 
Em Janeiro de 2017, uma nova vertente começou a ser trabalhada na FJBPC, a qual possibilitou por meio de pesquisas em literatura e também práticas, a criação e desenvolvimento do Projeto de Etnobotânica denominado “PARIPAROBA”, onde são integradas as propriedades e funções para espécies vegetais diversas, quanto ao uso místico, religioso, medicinal, culinário e artístico, por meio do  resgate cultural da região.
 
Com base nessas informações, foi organizado e produzido o estande da Fundação Jardim Botânico de Poços de Caldas para o "XIV Congresso Nacional de Meio Ambiente" que ocorreu de 26 à 29 de setembro em Poços de Caldas - MG. O estande do Jardim Botânico de Poços de Caldas teve por objetivo apresentar uma exposição de fotos, videos e outros materiais sobre o projeto supracitado. Destaque especial para a disposição de parte da coleção de plantas vivas, cultivadas em vasos no Jardim Botânico, entre elas: Sálvia vermelha (Salvia microphylla), Atroveran (Ocimum selloi), Melissa (Lipia alba), Espada de São Jorge (Sansevieria trifasciata), Manjericão (Ocimum basilicum), Lavanda (Lavandula dentata), Erva Luísa (Aloysia triphylla),  Arruda (Ruta graveolens) e Arnica (Solidago chilensis).
Categoria: 
Educação Ambiental

JARDIM BOTÂNICO REALIZA DOAÇÃO DE MUDAS FLORESTAIS NO DIA MUNDIAL SEM CARRO

Com o crescimento da população, difundiu-se o uso do automóvel como meio principal de locomoção. As pessoas o utilizam para o deslocamento entre diferentes lugares, muitos deles distantes entre si. Dessa forma, o carro tornou-se parte integrante de nossas vidas, de forma que, para muitos, é difícil pensar a vida sem ele.

Esse aumento na utilização de automóveis, se facilita a vida de um lado, acarreta problemas por outro, pois aumenta o consumo de combustíveis e, consequentemente, gera mais poluentes para a atmosfera, principalmente o gás carbônico (CO2).

Em razão desse problema, foi criado o Dia Mundial sem Carro, celebrado em 22 de setembro. A partir daí, gradativamente vários outros lugares passaram a celebrá-la. O objetivo principal do Dia Mundial Sem Carro é estimular uma reflexão sobre o uso excessivo do automóvel, além de propor às pessoas que dirigem todos os dias que revejam a dependência que criaram em relação ao carro ou moto. A ideia é que essas pessoas experimentem, pelo menos nesse dia, formas alternativas de mobilidade, descobrindo que é possível se locomover pela cidade sem usar o automóvel.

No Brasil, desde 2001, movimentos colocam a prática do Dia Mundial sem Carro em atividade, não tão somente deixando o uso do automóvel, mas promovendo incentivos para que as pessoas utilizem meios alternativos de deslocamento nas cidades, principalmente com o uso da bicicleta para percorrer certas distâncias. Com isso, além de emitir menos poluentes na atmosfera, também há a promoção da mobilidade urbana, o que proporciona uma melhoria na qualidade de vida para a população.

Em Poços de Caldas, o Dia Mundial sem Carro também foi celebrado sexta-feira (22) no trecho da rua São Paulo entre a rua Assis Figueiredo e a Praça Pedro Sanches, sendo interditado para carros e motos das 8h às 19h. Esta é a terceira edição do evento, que já aconteceu em 2016 e 2015.

Na ocasião, a Fundação Jardim Botânico de Poços de Caldas disponibilizou cerca de 120 mudas de espécies florestais nativas. Entre elas, destacam-se as espécies conhecidas popularmente como jabuticaba, pitanga vermelha, uváia, grumixama, palmito juçara e o ipê amarelo da serra.

Categoria: 
Educação Ambiental

1ª JORNADA SOBRE FLORA - JARDIM BOTÂNICO DE POÇOS DE CALDAS

Em atenção ao cumprimento da Lei Complementar n. 37/2003 e, atendendo o disposto no Estatuto e Regimento Interno da Fundação Jardim Botânico de Poços e Caldas, a Divisão de Educação Ambiental no que tange a sua competência e atribuições, busca coordenar a realização de cursos, seminários, palestras, exposições e outros eventos, bem como contribuir para a realização de atividades informativas e educativas sobre questões ambientais junto a comunidade.

Assim, o evento denominado “1ª. Jornada sobre Flora” foi planejado com o intuito de informar, apresentar e evidenciar aspectos importantes que caracterizam a formação da vegetação do planalto de Poços de Caldas. Para tanto, foram convidados especialistas e profissionais da área com o propósito de transmitir conhecimento técnico cientifico, através de um ciclo de palestras, considerando principalmente a tratativa do tema em relação à aspectos locais.

O evento será destinado a professores e demais profissionais de diferentes áreas, em especial, estudantes das áreas de Biologia, Agronomia, Engenharia e Gestão Ambiental. O evento está programado para ser realizado 21 de setembro em comemoração ao dia da árvore.

 

Data: 21 de setembro de 2017

Local: Centro de Visitantes - Jardim Botânico de Poços de Caldas

Rua Paulo de Oliveira, n. 320, Parque Véu das Noivas, Poços de Caldas - MG

Telefone para contato: (35) 3715-6054


 

PROGRAMAÇÃO - 1ª Jornada sobre Flora

 

08:00 - Credenciamento e Abertura

 

08:30 - Palestra "A gênese das paisagens do Planalto de Poços de Caldas, MG e sua influencia na formação da vegetação "

Palestrante: Thomaz Alvisi de Oliveira

Geógrafo, Msc. Geociências e Meio Ambiente e Dr. Geografia

 

10:00 - Palestra "Características das Fitofisionomias do Planalto de Poços de Caldas e alterações da cobertura vegetal"

Palestrante: Allan Arantes Pereira

Eng. Florestal, Msc. Ciências Florestais e Dr. Ciências Florestais

 

12:00 às 13:30 - Intervalo (almoço)

 

13:30 - Palestra "Espécies vegetais ameaçadas no Planalto de Poços de Caldas e Região"

Palestrante: Eric Arruda Williams - Diretor Técnico Científico/ FJBPC

Biólogo, Msc. Biodiversidade em Unidades de Conservação

 

15:00 - Palestra "O uso do banco de sementes florestais contido no Topsoil para a recuperação ambiental em áreas mineradas"

Palestrante: João Paulo Ferreira De Pinho

Eng. Florestal


ENTRADA FRANCA 

Público livre

(estudantes, professores, profissionais das diversas áreas do conhecimento)

VAGAS ESGOTADAS!

INSCRIÇÕES SOMENTE PARA LISTA DE ESPERA

inscreva-se utilizando o link a seguir

Inscrições para lista de espera

Categoria: 
Educação Ambiental

PROJETO "VIVER BEM" DA SECRETARIA DE SAÚDE POSSIBILITA VISITA DE GRUPO DE CONVIVÊNCIA DO PSF MARIA IMACULADA AO JARDIM BOTÂNICO

A Fundação Jardim Botânico de Poços de Caldas recebeu na última terça feira 15 de agosto, a visita de 24 pessoas atendidas pelo Programa Saúde da Família - PSF/Maria Imaculada. O PSF/Maria Imaculada está inserido em um projeto denominado “ Viver Bem” da Secretaria Municipal de Saúde que visa o bem-estar das pessoas integradas a ele. O projeto tem como objetivo promover a saúde dos pacientes, com a diversificação das atividades oferecidas pelo PSF bem como a mudança na rotina de cada um.

Segundo o Agente Comunitário Flávio Pessoa da Secretaria Municipal de Saúde, “oferecer insumos básicos como locais de convivência, pode evitar que a população jovem se envolva com drogas, prostituição, criminalidade ou abandono do lar. Por outro lado, tais possibilidades contribuem para que população idosa realize atividades distintas e, consequente, favorecem o convívio social. Nosso objetivo através do grupo de convivência é criar um vínculo com esses pacientes, realizando atividades de saúde fora e dentro da unidade de atendimento”.

A visita no Jardim Botânico foi realizada em duas partes, uma teórica e outra prática. Na primeira, uma palestra foi realizada para os visitantes abordando informações importantes, sobre o trabalho que é realizado na FJBPC. Posteriormente, na segunda, os pacientes atendidos pelo PSF/Maria imaculada tiveram a oportunidade de conhecer as coleções de plantas vivas do Jardim botânico, como as de Orquídeas, Bromélias, Samambaias, plantas medicinais, florestais arbóreas, etc.

“Sempre procuramos realizar esse tipo de atividade para diversificar e promover situações novas para os pacientes, uma vez que que muitos quase não saem do bairro que residem. Conhecer outros lugares diversificam a rotina dos pacientes e pode favorecer tratamento de enfermidades” ressalta o assistente social Gustavo Miglioranzi Frizon.

Categoria: 
Educação Ambiental

PALESTRA ABORDARÁ OS PROJETOS AMBIENTAIS DOS INDÍGENAS ASHANINKA NA REGIÃO DO ALTO JURUÁ - ACRE

Quarta-feira, 26 de julho, o Jardim Botânico de Poços de Caldas contará com a participação da antropóloga Dra. Eliane Fernandes Ferreira, às 15h para a realização de uma palestra sobre os projetos executados pelo povo Ashaninka na região do Alto Juruá, Estado do Acre.

Nesta palestra, a antropóloga poços caldense irá abordar sobre as lutas, projetos ambientais, técnicas de trabalho, êxitos e dificuldades que os Ashaninka e a população do município de Marechal Thaumaturgo enfrentam.

O povo Ashaninka do rio Amônia é reconhecido por seus projetos visionários na luta da proteção dos recursos naturais e divulgação de alternativas agroflorestais para a região do Alto Juruá. A Associação Ashaninka do Rio Amônia foi a primeira associação indígena a receber diretamente recursos do BNDES/Programa Fundo Amazônia para ampliar seu campo de ações em prol da proteção do meio ambiente.


Sobre a palestrante:

Eliane Fernandes Ferreira nasceu em Poços de Caldas e estudou antropologia na Alemanha, Universidade de Hamburgo. De 2004 a 2007 fez doutorado na Universidade de Bremen, trabalhando desde 2009 como docente e pesquisadora nas universidades alemãs de Marburg e Bremen. Eliane também é ativista ambiental e membro honorária da ONG alemã “Sociedade em prol dos povos ameaçados”.


VENHA PARTICIPAR!

Público: Livre

Local: Centro de Visitantes da Fundação Jardim Botânico de Poços de Caldas

Data: 26 de Julho de 2017

Horário: 15h

As inscrições podem ser feitas pelo telefone (35) 3715-6054

Categoria: 
Educação Ambiental

Valid XHTML 1.0 StrictCSS válido!